O seu lado investidor conquistando independência financeira

Investir em ações

Um guia rápido para investir em ações

             A ideia de investir na bolsa de valores ainda amedronta muitas pessoas, mas será que precisa ser mesmo assim? É claro que ao colocar seu dinheiro no mercado de ações, existem riscos latentes que precisam ser considerados, mas se você tiver a orientação correta para iniciar seus investimentos, então a probabilidade de que você tenha uma experiência desagradável irá diminuir drasticamente. Por isso, hoje preparamos esse rápido guia de como investir em ações

 

Para começar sua jornada de investimentos, a primeira coisa que você precisará fazer é decidir se você será de fato um investidor ou aquilo que chamamos de um trader. Assim, vamos começar esse pequeno guia falando sobre as diferenças entre os dois conceitos. Um investidor no mercado de ações é alguém que procurar empresas que considere com potencial para comprar suas ações e de fato se tornar um sócio daquela empresa, apostando que ela desempenhará bem no futuro e com isso poderá distribuir dividendos cada vez maiores. Eventualmente, um investidor poderá vender algumas de suas ações porém o foco dele é sempre se tornar sócio a longo prazo das empresas das quais compra as ações.

como investir em ações

Já o trader é um pouco diferente. Também conhecido, as vezes pejorativamente, como especulador, o trader é alguém que busca se aproveitar das inconsistências do mercado na precificação das ações e outros valores mobiliários, comprando a quando o preço esta baixo para revender quando o preço esta alto, em resumo. A principal diferença do trader para o investidor é que, para o trader, pouco importa de qual empresa é a ação que ele esta comprando, já que não pretende ser sócio da mesma. O que realmente importa é que a referida ação apresente alguns sinais de que irá subir d e preço dentro de um futuro próximo, de modo que o trader saiba que ao adquirir aquela ação poderá obter um bom lucro.

 

Sabendo dessa distinção cabe a você decidir o que você será ao investir na bolsa de valores. Isso irá variar principalmente em função da sua personalidade e do que se adequa mais ao seu perfil. Em geral, não há uma necessidade de tempo maior para que alguém seja um trader – a menos que estejamos falando de day trading, onde a dedicação é diária e portanto quase sempre maior – mas apesar disso o trading constuma requerer que você pelo menos acompanhe o mercado numa frequência semanal. Já como investidor, ao se tornar sócio de empresas que você selecionou após a sua análise, não é necessário via de regra que você tenha uma dedicação de tempo extremamente expressiva.

Investir em ações

Após decidir qual caminho seguir, algumas coisas serão fundamentais para garantir o seu sucesso como investidor – ou como trader, mas para fins de simplicidade iremos nos referir aos dois nesse artigo apenas como investidor. O primeiro ponto que eu quero tocar aqui é sobre a importância do seu preparo psicológico para investir em ações na bolsa de valores. Pode acreditar, de nada irá adiantar você possuir um grande conhecimento sobre o mercado se você não conseguir se manter calmo e frio diante das movimentações muitas vezes completamente imprevisíveis e caóticas que o mercado trará.

 

Existem muito métodos que você pode utilizar para treinar o seu psicológico para investir. Uma leitura que eu recomendo fortemente nesse aspecto é o trading in the zone do Mark Douglas. Esse livro fala exatamente sobre o aspecto psíquico do trading, te ensinando em passos simples algumas técnicas interessantes para aumentar a sua fortitude mental e explicando a forma como o seu cérebro opera em uma atividade de risco como o trading.

 

Outro método bem interessante para que você aumente a sua capacidade psíquica e resiliência aos movimentos de mercado é a meditação. A meditação te ajuda a manter seus pensamentos sob controle e, com isso, adquirir controle sobre a sua própria mente, podendo assim “desligar” pensamentos indesejáveis em um momento de crise e enxergar a situação e a solução pertinente com muito mais clareza. Desse modo a meditação te ajuda em grande medida a liberar a faculdade criativa do cérebro, levando a soluções muitas vezes exóticas porém muito mais eficientes. Apenas para te dar mais uma razão: considerado o maior gestor de fundos hedge da atualidade, Ray Dalio atribuir à meditação o principal motivo por seu tremendo sucesso, exatamente por permiti-lo enxergar as coisas com clareza em momentos de alta turbulência.

 

Uma vez que você tenha decidido se será um trader ou um investidor e tenha conseguido resolver um mínimo de fortitude psíquica para investir, o próximo passo é tentar elaborar um plano de investimentos que esteja adequado ao seu perfil como investidor e que você possa aplicar constantemente ao investir em ações. Em primeiro lugar, você deve decidir qual será a orientação geral dos investimentos que você irá fazer. Então se você é um investidor, por exemplo, em que tipo de empresas irá investir, em que setor da economia? Que tipo de fundamento usará principalmente: dividendos, crescimentos nos últimos anos? Margem de lucro? Barreiras a entrada no setor? Se for um trader, que tipo de estratégia irá usar, que tipo de indicadores? Qual sua estratégia de stop-loss? Enfim, existem dezenas de questões que precisam ser consideradas quando você montar a sua estratégia e entrar nas nuances disso é algo que foge um pouco do escopo desse artigo.

 

O importante é que você saiba o que se encaixa melhor no seu perfil e o quanto a sua estratégia de investimentos é fácil de ser aplicada para o seu caso específico. Quanto mais você conseguir criar uma estratégia que esteja adaptada a como você agiria normalmente, maiores serão suas chances de aplica-la consistentemente ao longo do tempo.

 

Por fim, algo que é de fundamental importância para que sua estratégia de investimentos em ações possam performar bem é a gestão de risco. Gestão de risco é basicamente o nome que damos a estratégias para limitar e controlar o risco que corremos em uma determinada situação. Essa parte da estratégia é muito importante porque, ao contrário do que muitas pessoas pensam, limitar suas perdas ao investir é ainda mais importante do que perseguir ganhos a qualquer custo, pois bastam um punhado de decisões ruins e consequentes perdas para que você seja tirado completamente do mercado.

 

Então é isso. Esses são os elementos essenciais de uma boa estratégia de investimento. É claro que muita pesquisa ainda precisa ser feita por você, mas espero que esse artigo tenha lhe dado uma boa noção e ajude-o na sua jornada.